Esse é o seu sonho:
Imagine as pessoas falando para você como gostaram da sua Apresentação.
Seu chefe elogiando.
Você vendeu bem a idéia.

Isso pode acontecer?
E ainda mais com um assunto complicado?
SIM.
Você vai ver como pode fazer as pessoas se apaixonarem pelo seu assunto.

A história que vou contar a você é bem interessante.
Como eu poderia gostar de algo totalmente sem interesse? Isso me aconteceu há algum tempo…

Minha esposa começou a estranhar quando, por diversas vezes, via-me com os olhos grudados num programa de TV.
O programa era sobre culinária.
Eu preciso explicar que, além de Miojo e ovo frito, não sei mais nada sobre o assunto. E nem me interesso.
Quer dizer, não me interessava.

Mas aquele programa, não sei por que, me atraía.
O cozinheiro era o Jamie Oliver, e o programa dele passa na GNT - TV a cabo.
Se você não o conhece, veja o site dele e alguns programas em video no Youtube.

O cara é fantástico como cozinheiro, as receitas são de deixar a gente com água na boca e parece que sentimos o cheiro do prato preparado.
Cada programa é uma viagem.

Com o tempo, fiquei muito intrigado com tudo isso.
Como é que um cozinheiro consegue virar uma celebridade, um popstar?
Como ele me fez ficar interessado por algo que não ligo a mínima?
E, afinal, será que isso me dá alguma lição para as Apresentações??

Comecei então a estudar o estilo dele, e prestar atenção nos detalhes.
Lógico que tem um sem-número de detalhes que fazem dele o artista que ele é. Seu talento, originalidade, a produção da TV. Tudo colabora.

Mas, finalmente, encontrei algo que podemos usar.
Ele vende entusiasmo com aquilo que ele adora. Ponto final.

Vamos lá:
Perceba como ele brilha os olhos quando fala de uma batata.
Como ele descreve - mesmo em frases curtas - um azeite que ele acabou de encontrar no mercado.
Ou um filé de salmão que colocou na bancada.
Ele elogia. Ele descreve a paixão. Ele fala como é cheiroso, como é saboroso.
E você sente isso!!

Às vezes você pensa: isso tudo é porque ele tem do bom e do melhor na cozinha. Aí ele vai até o mercadinho, bate papo com o cara da peixaria, e pega uma sugestão excelente.
E de repente parece que aquele peixe é o melhor pedaço do mundo.

Aí a gente volta para a nossa - a sua - apresentação.
Acordou?
E você se pergunta: será que eu consigo colocar a mesma dose de paixão no meu tema?

É uma pergunta importante!!
Importantíssima!!!

Se você mesmo não conseguir saber onde está o lado apaixonante do seu tema, ninguém vai se interessar por ele!! E por você!!
Você deve brilhar os olhos quando falar sobre o seu assunto.
E aí, com certeza, as pessoas também adorarão sua Apresentação.

Ok, tá certo. Entendido. Mas COMO eu vou fazer isso?, você me pergunta.

Como você é um leitor fiel do blog OutroJeito e a gente já ficou amiguinho, aqui vai o grande segredo para demostrar claramente essa sua paixão.

Use adjetivos fortes para descrever seu assunto.
É isso.

Por exemplo, se você vai explicar para sua mãe que se interessou por aquela garota que ela não vai muito com a cara, o que você faz?
Não vai ficar apenas descrevendo com substantivos mornos: mãe, ela é pontual. Ela trabalha na empresa. Ela não dirige mal. Ela nunca atacou as baleias.Ela plantou uma árvore. Ela gosta de cachorros.
Ferrou.

Mãe, ela é genial na cozinha, tem uma super facilidade em fazer bolo. Mãe, ela é simplesmente fenomenal com crianças, todas adoram ela. Ela trata tão bem os cachorros que eles ajoelham para ela. E além do mais, ela não suporta nem um minuto sujeira na casa, sai limpando feito maluca e nunca a vi cansada! Pronto. Ganhou a mamãe.

E numa Apresentação?

Os parâmetros do trimestre poderiam ser projetados adiante. O projeto é muito interessante para a equipe, e pode dar um retorno em 90 dias. Já falei com os gerentes e eles aprovaram.

Ou então:
Falei com poucos pessoas, e quem ficou sabendo gostou tanto que pediu esta apresentação. É um assunto que quanto mais eu estudava, mais entusiasmado eu ficava, porque a perspectiva e os resultados esperados são fantásticos mesmo. Ou mais do que isso: são impressionantes. Nesse ponto aqui onde todo mundo quebrava a cara nós podemos ganhar uma força tremenda, com um pequeno direcionamento dos esforços.

Deu pra ver mais adjetivos?
Você tem colocado adjetivos suficientes na sua comunicação?

Vamos começar juntos?
Puxa, que artigo super legal, nunca ninguém me falou nadinha parecido com isso!
Como essa dica é fantástica!!
Vou passar esse link do blog OutroJeito pra todo mundo que eu conheço, porque esse blog é do cace***…

 

 

Se você quiser ajudar o Blog OutroJeito, vote neste artigo clicando nesse ícone laranja.
Ele é um voto seu para um sistema de ranking de notícias do Rec6 (veja mais em www.rec6.com.br)








15 Responses to “Como fazer as pessoas gostarem da sua Apresentação”  

  1. 1 Rafael Mauricio Menshhein

    Bom dia.

    Na minha opinião, além dos adjetivos, a pessoa deve plantado uma semente em seu coração, regado com água (informações novas) e permitido que o ambiente ficasse favorável, pois uma apresentação não é uma guerra e até mesmo aquela pessoa que só faz críticas negativas acaba ajudando, pois todos, inclusive eu, esquecemos de racionalizar quando nos apaixonamos pelas idéias.

    Obrigado por mais uma aula, tenha uma excelente quarta e sucesso.

  2. 2 OutroJeito

    Rafael,

    Como sempre você coloca observações importantes ao artigo!

    Obrigado

    Milton, do blog OutroJeito

  3. 3 OutroJeito

    Pessoal,

    Vejam mais comentários sobre este artigo no site Via6 em http://www.via6.com/topico.php?cid=7519&tid=77346&id_link_rec6=38258
    Coloquem seus comentários diretamente no blog OutroJeito, e irá aparecer automaticamente neste Via6.

    E se gostou do artigo, clique no ícone "subir" para dar seu voto!!
    Valew! Milton

  4. 4 Jhonatan Eduardo

    VIxi!

    vou te falar viu!

    ontem fui assistir uma apresentação sobre “A evolução da
    animação no Brasil” [rpz, a casa caiu], o seminarista
    parecia que tinha brigado com a mulher em casa!

    era uma tristeza na hora da apresentação ‘q eu olhei assim!’
    olhe que animação é minha aréa viu! se não fosse eu acho que
    eu não ia querer mais nem ouvir falar.

    ————-

    concerteza o entusiasmo também é mmuito importate para
    poder agradar, quando uma pessoa vai fazer uma apresentação,
    ela tem que naquele momento esquecer que o Brasil perdeu o HEXA
    (esquecer de tudo)! Colocar o coração, é ela REALMENTE acreditar
    no que esta se falando.

    —————–

    amei o artigo!

  5. 5 OutroJeito

    Jhonatan,

    Todo mundo tem seus dias ruins…
    Tem apresentações minhas que, quando me lembro, fico envergonhado. Como pude ser tão sem-noção??
    Estudando e aprendendo, vi que algumas técnicas podiam me salvar. Por exemplo, isso de falar com ENTUSIASMO é muito importante mesmo.

    Uma vez fui encordoar minha raquete de tênis numa loja que não conhecia. Fiquei olhando para uns modelos novos, e perguntei ao vendedor (só havia ele lá) qual seria uma boa raquete.
    “Todas são boas”.
    Só isso.
    Insisti, “mas o pessoal fala bem de quais delas”.
    “Ah, de todas”. Fim.
    ELE NÃO QUERIA VENDER.

    Pelo menos foi o que a linguagem dele me passou. Linguagem corporal, emocional, visual.
    Não voltei mais nessa loja.

    Às vezes um restaurante com uma refeição trivial nos conquista pelo bom atendimento. Ou uma comida de primeira fica ruim com um serviço péssimo.

    Se o apresentador não se entusiasmar pelo assunto, as pessoas não gostarão do assunto e nem do apresentador!!

    Paz e sucesso!!

    Milton

  6. 6 Para todos

    Achei interessante pessoal para todos nós!

  7. 7 Paulo Cézar de Oliveira

    Olá,

    estou chegando um tanto atrasado neste blog, né?

    Mas fiquei satisfeito com o que ví! Faço palestras e
    treinamentos há trinta anos(isso mesmo, trinta, iniciei
    aos 24, na Gillette) e concordo que o ponto crítico
    é o entusiasmo. Gostar de estar alí, como um artista
    que esquece a enxaqueca, os problemas, a mágoa, quando
    sobe ao palco.

    Valeu. Parabéns.

    Paulo

  8. 8 Islândy

    Olá,tudo bem gente?sou de MT Varzea Grande
    Olha eu passava por aqui e amei esses pequenos detalhes maravilhosos,que cada pessoa dessas
    tão talentosa porem muito humilde,disseram.
    Eu sou cerimonialista em casamentos,estou lutando pra encarar uma palestra,e tenho correndo
    atraz
    de informações,pois tenho a vóz e a coragem,uma aparelhagem de som rasoavel,dá pro gasto.
    Eu adorei ter aberto esse site,não os conheço pessoalmente mais…amei ler tudo por aqui.
    Com muita luta um dia serei um palestrante,eu amo falar bem,adóro ajudar pessoas,alem disso
    é lucrativo também.
    Aceito dicas de livros e informativos,obrigado e parabens

  9. 9 alexandre

    parabens muito bem colocado. fiquei impressionado e agora creio que poderá ser um diferencial no meu trato com outros.

    Um abraço e parabens novamente

  10. 10 alessandro gomes

    rapas este site e muito bom.

  11. 11 Gabriela

    Já encaminhei o link para meus colegas antes mesmo de terminar de ler o texto ! Tornei fã número 1 ! Obrigada pelas dicas fantásticas!
    Abraços

  12. 12 elza

    Olá, sou consultura natura , e todo ciclo ,participamos das famosas reuniôes…
    Somos informadas dos lançamentos , e produtos com desc. para investirmos e lucrarmos depois.
    Há também bingos e sorteios, tudo bem rapidinho, pois quem vende natura , tem outra atividade.
    Então achei que seria fácil, fazer uma dessas reuniões para aumentar minhas vendas…
    Engano meu, mas ainda bem que encontrei este site…..
    Nunca falei em público,tenho uma semana para me preparar, e estou muito animada com as informações
    que estou lendo aqui….É fantastico, obrigada .

    P.S. Depois retorno para contar como me sai….
    Abraços.
    Elza.

  13. 13 EDILSON QUEIROZ

    Ola! gostei muito de suas palavrar; sempre trabalhei com vendas e nos dias que estava mais empolgado com certeza rebentava de vender, um vendedor que sabe o que esta falando e fala isso com entusiasmo é venda garantida.

  14. 14 Alexandre Gonzaga

    Boa noite. Sou Controlador de Vôo e minha vida profissional sempre foi guiando aviões pelos céus da Amazônia. Nunca me arrisquei a fazer apresentações para passar meus conhecimentos pois, além de muito tímido, é um assunto muito extenso. Até consigo explicar algo para alguém de forma clara, demonstro que possuo o conhecimento da área e que, também, adoro o que faço. A idéia de explicar minha profissão para um público sempre me fez tremer. Meu pesadelo tornou-se realidade essa semana quando fui “convidado” para dar uma palestra/aula para um público conhecedor da matéria. É uma situação diferente. Falar para pessoas leigas é uma coisa. Falar para conhecedores é bem mais complicado pois além de dominar bem o assunto é preciso, também, tomar o cuidado para não ser repetitivo demais sobre o que está escrito nas legislações pertinentes. Quando me deram essa imcumbência fui logo para a internet pesquisar sobre como fazer apresentações. Para minha surpresa, o primeiro item da pesquisa foi justamente esse blog. Li cada artigo, cada dica e fiquei super entusiasmado. As idéias já estavam em minha mente antes de ler os artigos. Agora estão até mais claras e tenho certeza que minha apresentação/aula ficará bem mais interessante. O tópico “Como Fazer a Melhor Apresentação do Mundo” esclareceu muitas coisas para mim. Não me alongando mais do que já fiz (rsrsrsrs) só posso agradecer as dicas explicitadas no blog. Com certeza vou indicar para meus amigos. Muito obrigado.

  15. 15 Lucio Machado de Melo

    A semana inteira passei pensando como preparar discurso, procurando na internet tive a oportunidade de conhecer as dicas importantes e postura de se fazer rolar o assunto sem se perder.
    Obrigado
    Lucio M Melo

Leave a Reply